segunda-feira, 2 de maio de 2016

Editora Coerência

Olá queridos amigos, professores, escritores e visitantes, apresento a vocês uma nova editora e parceira!

Promova um evento de leitura em sua escola!  
Projeto da editora: Levando o escritor até o seu leitor

Entre em contato com a Editora Coerência! Eles irão ate a sua escola, farão palestras, bate papos, presentação dos livros e darão desconto de até 20% dos livros para a escola.
Sobre a Ed. Coerência
"Somos uma Editora que acabou de nascer, mas que vai lutar com muita força para sobreviver nesse mundo cheio de problemas e desilusões políticas e financeira. Onde a Literatura nacional, ainda, vejam bem, "ainda" não é tão valorizada, mas que vamos lutar pra que seja reconhecida. Se você também luta por essa causa, junte-se à nós. Estamos com uma sequência de livros que serão lançados agora no Mês de Abril. E essa era a nossa novidade pra você, que por dias me acompanhou, dizendo que logo revelaria meu tão sonhado projeto. Espero que além de curtir a pagina, nos acompanhe, porque sempre teremos novidades." - Lilian Vaccaro (Editora)
A agenda da editora já está com várias datas para os lançamentos, confira e anote na sua agenda!
EM MAIO: 
13/05 - Lançamento do “Não tão primos” do Renan Merlin – Botucatu
21/05 – Lançamento de “Nanos Mortais” do Acácio – Campinas
22/05 – Lançamento de “As crônicas dos leais: Os guardiões” do Gabriel Mariano – Shopping Frei Caneca/SP
28/05 – Lançamento do “Não tão primos” do Renan Merlin – SP na Livraria Martins Fontes
29/05 – Lançamento de “Sob os olhos de um anjo” do Célio Vieira - Minas Gerais

EM JUNHO: 
11/06 – Lançamento de “Portas erradas, amores certos” da  Larissa Barbosa - São Caetano
18/06 - Lançamento de “Asas de livros: Elos” da Isie – Salvador
25/06 – Lançamento de “Agora!” da Beatriz Barreto - Shopping Metrô Tatuapé/SP
26/06 – Lançamento de “Sombras do medo” da Camila Pelegrini - Mogi guaçu

EM JULHO: 
02/07 - Bate Papo em São Paulo na Livraria Martins Fontes com todos os escritores da coerência
09/07 – Lançamento de “Equilibrium” do Décio em Pernanbuco
17/07 – Lançamento de "Terra do Sol" da Eliana Portella - Livraria da Vila
22/07 – Lançamento do “Não tão primos” do Renan Merlin em Bauru

Se estiver num desses lugares, prestigie a editora e seus lançamentos com sua presença!

segunda-feira, 22 de fevereiro de 2016

NOVO SITE!!!


 Queridos seguidores, professores, alunos e visitantes, Conheçam  meu novo site que será recheado de atividades, provas e variedades.
Daqui pra frente tudo será postado lá.
Ainda estou postando uma variedade de coisas, mas já é possível extraírem  atividades dele.


Abraços,

Profª Raquel 

domingo, 21 de fevereiro de 2016

Atividade de Português - 7º Ano (com gabarito)

MINHAS FILHAS

Minhas filhas eu vejo que são três
E cada qual é da beleza irmã,
Se eu quero Lúcia, muito quero Inês
Da mesma forma quero Miriam.

Vendo a meiguice da primeira filha,
Vejo a segunda que me prende e encanta
A mesma estrela que reluz e brilha,
Se olho a terceira, vejo a mesma santa.

Se a cada uma com fervor venero,
Fico confuso sem saber das três
Qual a mais linda e qual mais eu quero
Se é Miriam, se é Lúcia ou se é Inês.

E já velho, a pensar de quando em quando
Que brevemente voltarei ao pó,
Eu sou feliz e morrerei pensando
Que as três filha que tenho é uma só.

PATATIVA DO ASSARÉ. Antologia Poética. 4.ed. rev. Fortaleza: Demócrito Rocha, 2004. p.233.


1 - Para o velho, a primeira filha se destaca pela

a) beleza.
b) comportamento
c) meiguice.
d) obediência
e) inteligência.

2 -  Ao dizer “brevemente voltarei ao pó”, o velho revela que:

a) reconhece que seu fim está próximo.
b) sabe das dificuldades da sua sobrevivência.
c) sente necessidade de se afastar de casa.
d) vai percorrer estradas empoeiradas.
e) é um velho muito solitário.

3 –  “Minhas filhas” é um poema porque está organizado em:

a) orações e versos.
b) versos e estrofes.
c) parágrafos e estrofes.
d) períodos e parágrafos.
e) parágrafos e versos.

4 - O velho  acha que suas filhas são igualmente:

a) belas.
b) dedicadas.
c) meigas
d) obedientes.
e) inteligentes.
5 -  O poema trata especialmente

a) das preferências de um pai.
b) de uma relação familiar harmoniosa.
c) do afeto de um homem por suas filhas.
d) do respeito das filhas pelo pai.
e) do amor de um pai para uma só filha.


6 - No trecho: “Vou buscando meu amor para ver a vida passar”. A locução sublinhada, apresenta o verbo na forma nominal de:

a) infinitivo
b) particípio
c) gerúndio
d) imperativo
e) n.d.a

7 - “Ela andou rápido, mas foi pouco tempo, de acordo com o treinador”. A oração apresenta os seguintes advérbios, respectivamente:

a) tempo – lugar
b) modo – intensidade
c) lugar – intensidade
d) tempo – intensidade
e) intensidade – modo

8 -  “Outra lição que Joãozinho já aprendeu é não ir acreditando em tudo que dizem.”

Os verbos sublinhados encontram-se, na seqüência, nos seguintes tempos, modos ou formas nominais:

a) Pret. perfeito do indicativo, locução verbal, pretérito perfeito do indicativo.
b) Pret. perfeito do indicativo, locução verbal com gerúndio, pretérito perfeito do indicativo.
c) Pret. perfeito do indicativo, locução verbal com gerúndio, presente do indicativo.
d) Pret. perfeito do indicativo, locução verbal com gerúndio, futuro do pretérito do indicativo.
e) Pret. perfeito do indicativo, locução verbal , futuro do presente.


GABARITO

1 – C
2 – A
3 – B
4 – A
5 – C
6 – C
7 – B

8 – C

domingo, 12 de outubro de 2014

De novo ou denovo

De novo ou denovo

É muito comum escrever “denovo” junto, mas está completamente incorreto! Denovo não existe! A forma correta é escrever “de novo” separado.

De novo é uma locução adverbial composta pela preposição de e pelo adjetivo ou substantivo novo.

Quando tiver dúvida na hora de escrever de novo, substitua por novamente ou outra vez e manterá o mesmo significado.

Exemplo: 

  • De novo voltarei ao Rio de Janeiro = Novamente voltarei ao Rio de Janeiro. 
  • Não acredito que você fez isto de novo = Não acredito que você fez isto novamente! 
  • Terei que reescrever esta monografia de novo = Terei que reescrever esta monografia outra vez! 

Fonte: como escreve.com